Exemplo de imagem responsiva Gorverno do Estado da Bahia
Informe Baiano
Exemplo de imagem responsiva Gorverno do Estado da Bahia

Brasil e Argentina assinam compromisso para transferência de tecnologia da vacina contra a febre amarela

Um termo de compromisso para transferência de tecnologia brasileira à Argentina vai permitir que o país vizinho possa produzir vacina contra a febre amarela, sem a necessidade de importação. O documento foi assinado, nesta sexta-feira (17), pela Fiocruz do Brasil, por meio do Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos (Bio-Manguinhos), e pela Administração Nacional de Laboratórios e Institutos de Saúde Dr. Carlos Malbrán (ANLIS) para capacitar a instituição argentina a fabricar o imunizante.

A assinatura, no Palácio do Itamaraty, em Brasília, contou com a presença das ministras da Saúde do Brasil, Nísia Trindade, e da Argentina, Carla Vizzotti, do presidente da Fiocruz, Mario Moreira, do diretor de Bio-Manguinhos, Maurício Zuma, e do diretor da ANLIS, Pascual Fidelio. O local sediou a 53ª Reunião Ordinária de Ministros e Ministras dos Estados Partes e Associados do Mercosul.

Bio-Manguinhos é, atualmente, um dos quatro produtores mundiais da vacina contra a febre amarela pré-qualificados pela Organização Mundial da Saúde (OMS). Por isso, além de atender à demanda nacional do SUS, a Fiocruz tem um importante papel no fornecimento dessas vacinas para os países da América Latina, Caribe e África, por meio das agências das Nações Unidas.

Entre 2016 e 2023, a Fiocruz chegou a exportar para a Argentina, por meio da Organização Pan-Americana da Saúde (Opas), cerca de 1,8 milhão de doses da vacina de febre amarela. Trata-se de uma doença endêmica por lá e a vacinação em áreas de risco foi introduzida no calendário de rotina argentino em 2002.

Com a transferência de tecnologia concluída, a ANLIS estará apta a produzir o imunizante para todo o território argentino. Além do termo de compromisso, ainda será necessária a assinatura de um contrato de transferência de tecnologia entre as instituições para o detalhamento de todas as etapas do processo, bem como o cronograma a ser cumprido.

A ANLIS

Criada em 1893, ainda com o nome de Oficina Sanitária Argentina, a ANLIS é uma instituição de referência em pesquisa, produção, diagnóstico e vigilância ligada ao ministério da saúde local e responsável pela coordenação da rede de laboratórios públicos e a execução das políticas públicas do país na área de saúde.

Câmara aprova definição do projeto marco legal de hidrogênio verde

A Câmara dos Deputados aprovou, na noite dessa quinta-feira (11), a Política Nacional do Hidrogênio de Baixa Emissão de Carbono, chamado de hidrogênio verde,...

TRUMP BALEADO! Atirador e cidadão que assistia comício são mortos

O homem que atirou no ex-presidente dos EUA, Donald Trump, durante um comício, neste sábado (13/07), foi morto pelo Serviço Secreto americano. Um comparsa...

Câmara aprova definição do projeto marco legal de hidrogênio verde

A Câmara dos Deputados aprovou, na noite dessa quinta-feira (11), a Política Nacional do Hidrogênio de Baixa Emissão de...
Fundação Jose Silveira

Câmara aprova definição do projeto marco legal de hidrogênio verde

A Câmara dos Deputados aprovou, na noite dessa quinta-feira (11), a Política Nacional do Hidrogênio de Baixa Emissão de...

TRUMP BALEADO! Atirador e cidadão que assistia comício são mortos

O homem que atirou no ex-presidente dos EUA, Donald Trump, durante um comício, neste sábado (13/07), foi morto pelo...

“Trump sofre atentado, mas colocam como ‘cair do palco!’. Absurdo”, diz Capitão Alden sobre situação nos EUA

Neste sábado (13), o candidato à presidência da República nos Estados Unidos da América (EUA), Donald Trump, sofreu um...

Saiba como autorizar viagem de menores sem precisar ir a cartório

O mês de julho é tempo de férias escolares, época em que muitas crianças e adolescentes conseguem uma pausa...