Exemplo de imagem responsiva Prefeitura de Salvador
Informe Baiano
Exemplo de imagem responsiva Governo do Estado da Bahia

Visitada por três santos católicos, Igreja dos Alagados ganha requalificação do seu entorno para estimular turismo religioso

Todo o entorno da Igreja de Nossa Senhora dos Alagados e de São João Paulo II, no bairro do Uruguai, foi completamente requalificado pela Prefeitura de Salvador, proporcionando à população mais conforto, segurança, infraestrutura e acessibilidade. A entrega das obras faz parte das celebrações do aniversário de 475 anos da capital baiana e foi realizada pelo prefeito Bruno Reis nesta sexta-feira (22), após investimentos de R$6,3 milhões.

Projetada pela Fundação Mário Leal Ferreira (FMLF), a intervenção integra o Plano de Bairros da Península de Itapagipe e visa oferecer melhores condições de vida à população local, bem como desenvolver o potencial turístico religioso da região, que abriga o único templo do mundo já visitado por três santos da Igreja Católica: São João Paulo II, Santa Teresa de Calcutá e Santa Dulce dos Pobres.

Em seu discurso, Bruno Reis afirmou que, para que uma região seja atrativa aos turistas, é preciso primeiro que ela seja boa para quem vive nela. “Foi o que nós aplicamos aqui. O benefício desta intervenção é, primeiro, para a comunidade do final de linha do Uruguai e todo o entorno da igreja. Aqui, na realização desta obra, nos preocupamos com os mínimos detalhes. A FMLF conversou com a comunidade, ouviu sugestões, recolheu ideias e pôs no papel. E hoje, tudo isso se torna realidade”, disse.

O prefeito destacou a criação de 10 quiosques no entorno da Igreja dos Alagados que foram entregues a permissionários moradores do Uruguai, que poderão comercializar bebidas, lanches e o que mais tiverem interesse. “Tivemos a preocupação com as pessoas que trabalham aqui, como Dona Valdomira, permissionária mais antiga do Uruguai que já recebeu a chave do seu novo quiosque. Em todas as obras da Prefeitura a gente procura oferecer essa oportunidade. São pessoas que vão poder trabalhar e, através do seu suor, vão garantir o seu sustento, o seu pão de cada dia”, afirmou.

A requalificação urbana abrangeu melhorias não apenas no entorno da igreja, mas também nas áreas do Cine Teatro, do Espaço Cultural dos Alagados e do Terminal de Ônibus do Uruguai. Além da criação de espaços de convivência e lazer, os serviços envolveram pavimentação e reconstrução de meio-fio, colocação de piso intertravado, drenagem, implantação de quiosques, parque infantil, academia de ginástica, área de jogos, 13 pergolados em eucalipto, guarda-corpo, contenção em alvenaria de pedra e banheiros.

Para a revitalização da área, a FMLF realizou, durante um semestre, oficinas, visitas de campo e entrevistas com moradores para a formulação do diagnóstico e da proposta final, que foi aprovada. Presidente da fundação, Tânia Scofield disse que a população reclamava sobretudo de mobilidade, não só para o trânsito de veículos e coletivos, mas sobretudo para os pedestres, que não tinham espaço para caminhar com conforto e segurança.

“Por isso, aumentamos os passeios, para que dê as condições de conforto, de segurança e, principalmente, de acessibilidade ao pedestre. Equipamos todo o entorno com áreas de lazer, que já era uma área utilizada pela população para encontros, para convívio, mas carecia desses aparelhos. Aqui já tinha barracas, então nós organizamos esse espaço visando uma melhor convivência. Valorizamos principalmente os equipamentos culturais importantes daqui, como o Centro Cultural dos Alagados”, disse Tânia.

Caminho da fé – Com a conclusão da revitalização urbana, a Igreja dos Alagados passa a fazer parte do circuito de visitação e peregrinação que também conta com o Santuário de Santa Dulce dos Pobres e a Colina Sagrada da Igreja do Bonfim.

“Nós temos aqui o que chamamos de território santo. São três santuários importantíssimos, então criamos as condições para que as pessoas possam ter a sua fé num lugar apropriado, inclusive com maior acessibilidade ao morro em que está a igreja, com rampas que antes não existiam, era só uma grande escadaria e uma ladeira bem inclinada”, afirmou Tânia Scofield.

Característica singular – A Igreja de Nossa Senhora dos Alagados e de São João Paulo II fica localizada no alto de uma colina, praticamente ao término da Rua do Uruguai. A sua estrutura foi fundada em 1980 e foi inaugurada pelo então Papa João Paulo II por ocasião da sua primeira visita ao Brasil e à Bahia.

Numa de suas visitas à capital baiana, Madre Teresa de Calcutá esteve no local, assim como Irmã Dulce, que realizava trabalhos assistenciais pela região. Com a canonização desses três personagens, Alagados passou a ser considerado singular no mundo pelos santos que ali pisaram.

Aprovada – Moradora do Uruguai e paroquiana da Igreja dos Alagados há mais de 20 anos, Ivanilde Reis Santos, de 54 anos, disse que a reforma valorizou a região. “E aqui estava precisando, né? Porque quando chovia ficava cheio de água, formava poças, ficava ruim para a gente passar andando. E também achei bom porque vai incentivar os jovens e as crianças a virem para a praça, porque agora tem várias coisas de lazer. Estava meio bagunçada, sem atrativo nenhum, e agora deu uma melhorada boa”, disse.

“Espero que isso estimule o turismo religioso para cá, né? Até porque a paróquia nossa faz parte da Cidade Baixa e está na área do turismo religioso. Está perto dos Mares, de Santa Dulce, do Bonfim, de tudo. Com as obras que tiveram lá ficou tudo mais turístico, e espero que melhore bastante para a gente aqui também”, completou Ivanilde.

Pároco da Igreja de Nossa Senhora dos Alagados, o padre Joel Jesus lembrou que a área guarda muitos atrativos, não só turísticos, mas também de história para os soteropolitanos. “E acho que essa revitalização ajuda também aos moradores, dá mais dignidade a eles, assim como aos fiéis da igreja, que têm esse lugar de devoção. Espero que venham muitos turistas, com a curiosidade de saber onde Santa Dulce dos Pobres iniciou toda a sua missão. Sabendo que é um lugar bonito, bem cuidado, podem vir para cá”, disse.

Plano – A urbanização do entorno da Igreja dos Alagados segue diretriz do Plano de Bairros de Itapagipe. O documento reúne informações sobre o território, proposições e políticas públicas para o desenvolvimento integrado e sustentável das 14 localidades que integram a região: Santa Luzia, Calçada, Mares, Uruguai, Massaranduba, Jardim Cruzeiro/Vila Ruy Barbosa, Caminho de Areia, Roma, Boa Viagem, Monte Serrat, Bonfim, Mangueira, Ribeira e Lobato.

XIX Encontro de Economia Baiana: inscrições vão até amanhã (23)

Nos próximos dias 24 e 25 de abril, o XIX Encontro de Economia Baiana vai reunir especialistas para conversar sobre o desafio de promover...

Não houve invasão externa em sistema do Tesouro, diz Haddad

Não houve ataque externo na invasão ao Sistema Integrado de Administração Financeira (Siafi), do Tesouro Nacional, disse nesta segunda-feira (22) o ministro da Fazenda,...
Prefeitura Municipal de Morro do Chapéu

XIX Encontro de Economia Baiana: inscrições vão até amanhã (23)

Nos próximos dias 24 e 25 de abril, o XIX Encontro de Economia Baiana vai reunir especialistas para conversar...
Fundação Jose Silveira

XIX Encontro de Economia Baiana: inscrições vão até amanhã (23)

Nos próximos dias 24 e 25 de abril, o XIX Encontro de Economia Baiana vai reunir especialistas para conversar...

Não houve invasão externa em sistema do Tesouro, diz Haddad

Não houve ataque externo na invasão ao Sistema Integrado de Administração Financeira (Siafi), do Tesouro Nacional, disse nesta segunda-feira...

Sua Nota é um Show de Solidariedade garante apoio ao Instituto de Cegos da Bahia

Localizado no bairro do Barbalho, em Salvador, o Instituto de Cegos da Bahia (ICB) completa 91 anos no próximo...

Dono de padaria sequestrado no IAPI é libertado

Um empresário conhecido como "Nilton da Padaria" foi sequestrado no início da manhã desta segunda-feira (22/04), no bairro do...