Exemplo de imagem responsiva Prefeitura de Salvador
Informe Baiano
Exemplo de imagem responsiva Prefeitura de Salvador

DOIS CASOS: Questionamento de juiz que soltou casais flagrados com cocaína na BA irrita policiais; saiba detalhes

Dois casos de prisões em flagrante com quantidade relevante de cocaína terminou com solturas em audiências de custódia nos meses de fevereiro e março, o que provocou questionamentos de policiais e até mesmo “desânimo”.

Conforme fontes do Informe Baiano relataram nesta terça-feira (02/04), as ocorrências foram frutos de trabalho intenso de investigação da FICCO de Ilhéus e da Polícia Federal.

O primeiro caso foi em 22 de Fevereiro. Uma passageira do navio cruzeiro Costa Diadema foi presa no Porto de Ilhéus com cerca de 47kg de cocaína. A mulher do Mato Grosso do Sul embarcou no Porto de Santos e após escala em Salvador, retornaria ao Rio de Janeiro, passando por Ilhéus.

Apuração do IB revela que ela saiu algumas vezes do navio, na parada em Ilhéus, trocando de roupas várias vezes, até que foi flagrada tentando embarcar com 4,5 quilos de cacaína presa ao corpo. A equipe da FICCO suspeitou e realizou buscas na cabine da passageira, vindo a encontrar mais 41,5 kg.

A fonte do IB disse que “na audiência de custódia o juiz federal substituto manteve a prisão. Entretanto, logo após o retorno, o juiz titular relaxou a prisão de imediato, uma semana após o fato. Na mesma toada, o parceiro de crime da traficante, de prenome Jeferson, preso em flagrante no Rio de Janeiro dois dias depois com mais 5kg de cocaína, foi solto de imediato pelo mesmo juiz federal”.

No dia 30 de março, também no sul baiano, aconteceu o segundo o caso. A Polícia Federal e a FICCO de Ilhéus prenderam um homem e uma mulher transportando cerca de 28 kg de cocaína em um navio cruzeiro. Os presos embarcaram no Rio de Janeiro e tinham como destino a cidade de Barcelona, na Espanha. As substâncias entorpecentes estavam escondidas em compartimentos ocultos de quatros malas e foram identificadas durante inspeção de bagagem com scanner (raio-x) e cão de detecção.

Ambos foram encaminhados à Delegacia de Polícia Federal em Ilhéus/BA e posteriormente ao sistema prisional. Na audiência de custódia realizada em primeiro de abril o juiz que liberou os presos do dia 22 de março também relaxou a prisão de imediato de ambos os traficantes. Na audiência ainda questionou os policiais federais sobre o motivo dos dois presos terem sidos levados ao presídio. A pergunta provocou irritação nos policiais que revelaram ao IB “desânimo” e “sensação de estar enxugando gelo”.

Cocaína e crack são apreendidos pela PM em Itabuna

Policiais militares do 15º BPM e da Cipe Cacaueira apreenderam, na manhã de sexta-feira (12), cocaína e crack em Itabuna. Os pms realizavam ações de...

Corrida Tiradentes realiza 45ª edição no domingo (14)

A Polícia Militar da Bahia realiza, na manhã de domingo (14), mais uma edição da tradicional Corrida Tiradentes, na Cidade Baixa. A corrida, que...
Prefeitura Luis Eduardo Magalhães

Cocaína e crack são apreendidos pela PM em Itabuna

Policiais militares do 15º BPM e da Cipe Cacaueira apreenderam, na manhã de sexta-feira (12), cocaína e crack em...
Prefeitura Luis Eduardo Magalhães

Cocaína e crack são apreendidos pela PM em Itabuna

Policiais militares do 15º BPM e da Cipe Cacaueira apreenderam, na manhã de sexta-feira (12), cocaína e crack em...

Corrida Tiradentes realiza 45ª edição no domingo (14)

A Polícia Militar da Bahia realiza, na manhã de domingo (14), mais uma edição da tradicional Corrida Tiradentes, na...

Decisão do STF dificulta abordagens preventivas da PM e pode aumentar crimes

O Supremo Tribunal Federal (STF) estabeleceu em sessão, na última quinta-feira (11/04), que a abordagem policial e a revista...

Anfavea quer volta do Salão do Automóvel

O presidente da Associação Nacional de Veículos Automotores, Mário de Lima Leite, disse nesta sexta-feira (12) que o Salão...