Volkswagen deve fazer recall de 1,82 milhão de carros na China

A Volkswagen afirmou nesta segunda-feira que realizará um recall de 1,82 milhão de carros na China por causa de um possível problema com unidades de controle da bomba de combustível. A montadora afirmou que os modelos Passat e Magotan foram afetados pelo recall, que inclui 22.400 veículos importados.

A Volkswagen produziu os carros junto com duas sócias chinesas em um joint venture, a SAIC e a FAW, entre 2007 e 2015. As bombas de controle de combustível dos veículos afetados serão substituídos sem custo a partir de 25 de dezembro, informou a empresa.

A montadora vendeu quase 3 milhões de carros de sua marca Volkswagen na China em 2016 e teve uma receita de 4,96 bilhões de euros (US$ 5,89 bilhões), o que faz do país um de seus principais mercados. Fonte: Dow Jones Newswires.