Procurado por feminicídio em São Paulo é preso em Itabuna

Suspeito de participar da morte de uma mulher, na cidade de Suzano, em São Paulo, Leonardo Santos de Oliveira, de 21 anos, foi preso, no fim de semana, por investigadores da 6a Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin), em Itabuna.

Ele estava com um mandado de prisão expedido pela Justiça paulista e deverá ser recambiado para aquele estado. Outro envolvido na morte de Larissa Horrana Gonçalves Soares dos Santos, está sendo procurado.

Larissa foi morta por Leonardo e um homem identificado como Guilherme de Macedo Nascimento, de 25 anos, ex-cunhado da vítima, após uma discussão dentro de um veículo.

A dupla abandonou o carro, pertencente ao ex-companheiro de Larissa e irmão de Guilherme, com o corpo da jovem dentro, na porta da casa dela. Familiares acionaram o SAMU, mas ela já estava morta.

O caso foi registrado como feminicídio na Delegacia Central de Suzano. A delegada Lisdeile Nobre, da 6a Coorpin/Itabuna, informou que a Polícia Civil de São Paulo já foi notificada da prisão.