Projeto de Félix inclui rios baianos na área de atuação da Codevasf

As bacias dos rios de Contas, Subaé, Jequitinhonha, Jiquiriçá e Mucuri farão parte do ‘guarda-’ da Codevasf. Projeto de lei (PL 8.570/17) do Félix Mendonça Jr. (PDT-BA), que trata da ampliação da área de atuação da empresa, foi aprovado na Comissão da Amazônia, Nacional e de Desenvolvimento Regional.

Os cinco rios atravessam o território baiano e, segundo o , passam por uma crescente degradação ambiental, o que inviabiliza a sustentabilidade das atividades agropecuárias e afeta os indicadores socioeconômicos das regiões onde se localizam.

“A Codevasf tem capacidade para continuar ampliando sua atuação, elevando a qualidade dos recursos hídricos e estimulando a adoção de políticas preventivas em todos os rios propostos”, afirmou Félix.

Segundo ele, a nova composição da companhia possibilitará ganho significativo para as regiões incorporadas, com a aplicação de novas tecnologias, incentivo à diversificação de culturas e recuperação de áreas ecologicamente degradas, além da capacitação e treinamento de produtores rurais.

O projeto agora será analisado, em caráter conclusivo, pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ).

Criada pela lei 6.088/74, atualmente a Codevasf atua nos vale dos rios São Francisco, Parnaíba, Itapecuru (MA), Mearim, Vaza-Barris, Paraíba, Mundaú, Jequiá, Tocantins, Munim, Gurupi, Turiaçu, Pericumã, Una, , Itapicuru e Paraguaçu.

Covid-19: Brasil tem 1,2 mil novas mortes e 60 mil novos casos

O balanço diário do Ministério da Saúde sobre a pandemia do novo coronavírus, divulgado hoje (13), trouxe 1.262 mortes e 60.091 casos de covid-19 registrados nas últimas...

ANP reduz temporariamente mistura de biodiesel ao diesel para 10%

A diretoria colegiada da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), com a concordância do Ministério de Minas e Energia (MME), aprovou hoje (13) a redução excepcional...