Ex-ministro, Gilberto Gil entra na mira da CPI da Lei Rouanet

Após muitos artistas se envolverem na pôlemica captação de recursos destinados a cultura. Agora Gilberto Gil está na mira da CPI da Lei Rouanet que investiga empresas e pessoas que utilizaram verbas de forma indevida.

De acordo com a colunista Heloisa Tolipan, do ‘Jornal do Brasil’, o ex-ministro da Cultura de Lula, Gilberto Gil captou R$ 800 mil para um evento privado patrocinado pela Nextel “só para convidados”, como a própria empresa admitiu. Segundo consta, a benesse é vedada pelo artigo 2º da Lei Rouanet.

Para o deputado Sóstenes Cavalcante (DEM-RJ), que continua atirando na CPI da Lei Rouanet, Gil “burlou a lei”, tornando o caso “gravíssimo”.

Com isso, um requerimento já foi apresentado para convocar cantor a prestar esclarecimentos na CPI.

Procurada, Gilda Mattoso, responsável pelo relacionamento de Gil com a imprensa, não se manifestou.

Municípios de Guanambi, Candiba e Pindaí são orientados a proibir realização de festejos juninos

O Ministério Público estadual, por meio da promotora de Justiça Tatyane Miranda, recomendou aos Municípios de Guanambi, Candiba e Pindaí que proíbam a realização de festejos juninos...

Saúde investe meio milhão de reais em requalificações do Samu Salvador em 2021

O período de pandemia exigiu ainda mais dos esforços do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) Salvador para obter resolutividade satisfatória nos atendimentos de rotina e...

Receitas juninas: confira opções imperdíveis para fazer em casa

Pelo segundo ano, as festas juninas foram canceladas por causa da pandemia, mas não quer dizer que as comidas típicas não podem ser preparadas. Por isso, a...

Especialistas recomendam vacinas contra doenças mais comuns no inverno

O efeito do clima frio e seco nas mucosas do sistema respiratório e a convivência em ambientes mais fechados estão entre as razões que fazem do inverno...