Penalva propõe implantação de Escola Técnica Pública Municipal em São Cristóvão e Subúrbio

O vereador e membro da comissão de Educação, Esporte e Lazer da Câmara de Salvador, Emerson Penalva (Podemos) apresentou dois projetos de indicação ao prefeito Bruno Reis para implantação da Escola Técnica Pública Municipal em São Cristóvão e no Subúrbio Ferroviário.

A escola tem o objetivo de ampliar o conhecimento técnico e promover a inclusão social para a população em vulnerabilidade social nesses bairros da capital baiana. As indicações ainda recomendam que o Executivo possa firmar convênios e parcerias com entidades públicas e privadas para viabilizar a implantação dos equipamentos.

Para o vereador, as escolas técnicas em São Cristóvão e no Subúrbio Ferroviário “possibilitarão a formação técnica e certificação dos alunos provenientes de escolas públicas, fomentando a empregabilidade, geração de renda e um melhor desempenho no próprio exercício do trabalho”.

“O desenvolvimento e a expansão da educação técnica gratuita em São Cristóvão e no Subúrbio serão ferramentas eficientes para inserção social da população carente nas localidades”, concluiu Penalva.

Preços de gasolina, diesel e gás aumentam hoje nas refinarias

Gasolina, óleo diesel e gás de cozinha passam a custar mais caro hoje (2) nas refinarias da Petrobras. O litro da gasolina ficou R$ 0,12 mais caro...

Motoristas por aplicativo e taxistas podem ser inclusos como serviço essencial em Salvador

Em meio à uma nova onda de infecções durante a pandemia da Covid-19 em Salvador, a Prefeitura determinou o funcionamento apenas de serviços essenciais, conforme estabelecido pelo...

Prefeitura de Simões Filho alerta a população sobre descarte do lixo infectado por Covid

A rotina mudou com a pandemia de saúde do novo Coronavírus e alguns cuidados precisam ser adotados, entre eles está a melhor forma de descartar o lixo...

IPC-S sobe em seis capitais brasileiras em fevereiro, diz FGV

A inflação medida pelo Índice de Preços ao Consumidor Semanal (IPC-S) subiu em seis das sete capitais pesquisadas pela Fundação Getulio Vargas (FGV), na passagem de janeiro...