João Dourado: prefeito e vice-prefeita eleitos tem registros cassados pelo TSE

Por decisão unânime do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), os gestores de cidade de João Dourado, prefeito Di Cardoso e a vice-prefeita Rita de Cássia Amorim do Amaral, tiveram os registros cassados, na noite desta quinta-feira (18/03). Com isso, vai ocorrer nova eleição no município.

Conforme a fonte do IB, a eleição estava sub-judice, pois em dezembro do ano passado a vice-prefeita eleita teve a candidatura impugnada. Rita de Cássia era presidente da Câmara quando seu ex-marido e ex-prefeito do município, Celso Loula morreu. Conforme decisão do ministro Luiz Felipe Salomão, ela não poderia ter sido candidata por ocupar o cargo de prefeita durante as eleições e também por causa do vínculo parentesco com Celso Loula.

Agora eles tiveram o recurso de agravo de instrumento negado pelo plenário do TSE.

Ladrões capotam carro na Estrada Velha do Aeroporto e um é baleado

Dois ladrões que estavam roubando transeuntes na Estrada Velha do Aeroporto, imediações do bairro de Cajazeiras, foram surpreendidos por um policial que estava de folga, na manhã...

Perseguição em Amaralina e dois baleados

Dois homens foram presos, uma arma de fogo apreendida e um veículo recuperado por policiais militares da 40ª CIPM, na manhã desta terça-feira (13/04), no bairro de...

Comércio varejista cresce 0,6% em fevereiro, diz IBGE

O volume de vendas do comércio varejista cresceu 0,6% na passagem de janeiro para fevereiro. Segundo dados divulgados hoje (13) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística...

Governo e companhia aérea apostam em voos regionais para o segundo semestre

A implantação de voos comerciais para destinos turísticos como Boipeba, Maraú, Mucugê e aumento das frequências para Morro de São Paulo foram temas discutidos nesta segunda-feira (12),...