Kannário pede que trabalhadores domésticos, jardineiros, porteiros e zeladores sejam prioridade de vacinação

O deputado federal Igor Kannario (Democratas) solicitou ao Ministério da Saúde que trabalhadores domésticos, jardineiros, porteiros e zeladores sejam considerados grupos prioritários para a vacinação contra o coronavírus.

O parlamentar sugere que o grupo seja inserido no Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra a COVID-19, para que sejam prioridade em todos os estados do Brasil.

“Embora a listagem de priorização do Ministério tenha sido bastante abrangente, acreditamos que as pessoas dessas categorias devam ser incluídas também, já que deixam suas residências todos os dias para trabalhar, geralmente se utilizam de transportes públicos lotados e expõem-se ao contágio. Além disso, elas não podem trabalhar remotamente pela natureza de seus ofícios e, portanto, não têm a opção de ficar em casa. Por isso, têm de ser imunizadas prioritariamente”, defendeu Kannário.

Em sua justificativa, Kannario lembra que o Ministério da Saúde definiu que a vacinação seria planejada para “preservar o funcionamento dos serviços de saúde, proteger os indivíduos de com maior risco de desenvolver formas graves da doença, proteger os indivíduos vulneráveis aos maiores impactos da pandemia e preservar o funcionamento dos serviços essenciais” e que, portanto, esses trabalhadores também deveriam ser incluídos como prioridade da vacinação.

ONU pede investigação imparcial sobre operação no Jacarezinho

O Alto Comissariado da Organização das Nações Unidas (ONU) para Direitos Humanos, com sede em Genebra, na Suíça, pediu hoje (7) ao Ministério Público que realize uma...

Megaoperação em Tancredo Neves troca tiros com “bonde” e apreende mais de meio milhão em drogas

Por volta das 06h desta sexta-feira (07/05), na Rua Washington, foi deflagrada uma megaperação para combater uma quadrilha especializada em roubo a banco e tráfico de drogas....

Senado aprova penas mais duras contra crimes cibernéticos

O Senado aprovou hoje (5) o projeto que amplia penas por crimes de furto e estelionato praticados com o uso de dispositivos eletrônicos como celulares, computadores e...

Tribunal Especial julga impeachment do governador de SC

O Tribunal Especial de Julgamento instalado pela Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc) para julgar o segundo pedido de impeachment do governador afastado Carlos Moisés (PSL) define,...