Caso Atakarejo: inquérito sobre duplo homicídio é concluído e delegada cita outros crimes

O Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) concluiu, na terça-feira (6), o Inquérito Policial sobre o caso Atakarejo, que levou à morte de Bruno Barros e Yan Barros, tio e sobrinho. O caso foi denunciado cerca de duas horas após a ocorrência pelo Informe Baiano, que revelou fotos e um vídeo das vítimas detidas no estabelecimento.

Vítimas detidas no estabelecimento / Foto e montagem: Informe Baiano

O procedimento da Polícia Civil foi encaminhado para o Ministério Público, e os envolvidos foram indiciados por homicídio qualificado, omissão de socorro e ocultação de cadáver. Na manhã desta quarta-feira (7), a terceira fase da Operação Retomada foi deflagrada para cumprir mandados de prisão e de busca e apreensão.

Entre os indiciados, estão suspeitos de envolvimento com o tráfico de drogas no Nordeste de Amaralina e seguranças do Atakarejo. Além das prisões, mandados de busca e apreensão também foram cumpridos – um deles, na sede do supermercado, onde foram recolhidos livros de ocorrências administrativas, computadores e aparelhos celulares.

“Essa terceira fase acontece após a chegada de laudos do Departamento de Polícia Técnica (DPT), nos quais foram verificados novos integrantes, em razão da análise do circuito de câmeras de segurança do supermercado”, explicou a presidente do inquérito, delegada Zaira Pimentel.

A partir da abertura do inquérito, nasceram novas investigações. “Estou apurando também um crime de tortura, um falso testemunho e um furto. Esse inquérito não só versa sobre o homicídio de tio e sobrinho, mas também sobre outros crimes”, finalizou a delegada.

Caso Atakarejo: vídeo mostra Ian gritando para não ser entregue aos traficantes: “eu não quero”

Não foi a primeira vez: novas revelações sobre duplo homicídio do Atakarejo

Foto mostra jovens negros detidos no Atakarejo antes de serem “entregues” para facção

Últimas Noticias

Em Lauro de Freitas, vacinação infantil continua nesta segunda (24) para crianças de 8 a 11 anos sem comorbidades; 2ª dose também será aplicada

Nesta segunda-feira (24), a vacinação infantil contra a Covid-19 continua em Lauro de Freitas para os pequenos sem comorbidades...