Preso agiota que encomendou morte de guardador de carro da Barra

O trabalho conjunto entre os Departamentos de Polícia Metropolitana (Depom) e de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) resultou na prisão de um dos envolvidos na morte de Maurício Lima Santos, atingido por disparos de arma de fogo, entre as ruas Dias d’ Ávila e Almirante Marques de Leão, no bairro da Barra, na manhã desta sexta-feira (15).

Em menos de 10 horas, policiais da 14ª Delegacia Territorial (DT), da Barra, e da 1ª Delegacia de Homicídios (DH/Atlântico) identificaram o suspeito de ser o mandante do crime. Ele foi preso por policiais da 14ª DT em um estabelecimento comercial, na Rua Almirante Marquês de Leão, e encaminhado para o DHPP.

A titular da 14ª DT, delegada Mariana Ouais, destacou a celeridade nas ações. “Assim que tomamos conhecimento do fato, empregamos toda a energia necessária para chegarmos à autoria desse crime. Junto com as equipes da 1ª DH/Atlântico, as investigações rapidamente ganharam corpo e tivemos agilidade na resposta. Continuaremos atentos, para que possamos reduzir qualquer possibilidade de que fatos como esse voltem a acontecer nesta região, cuidada pela nossa unidade”, comentou.

Durante a autuação em flagrante, realizada no DHPP, foi constatado que o suspeito tinha um mandado de prisão preventiva em aberto, por crime de roubo. A medida foi cumprida na especializada. Segundo a delegada Zaira Pimentel, titular da 1ª DH/Atlântico, os primeiros levantamentos apontam para a cobrança de dívidas como motivação do crime. “Conforme o que já temos apurado, a vítima teria uma dívida com o mandante. Vamos checar todas as informações e elementos coletados, para que possamos definir bem o direcionamento do homicídio”, pontuou.

A diretora do DHPP, delegada Andréa Ribeiro, avaliou o trabalho conjunto. “Tivemos, além da 14ª DT, a colaboração de guarnições da 11ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM). Essa união de forças acelera resultados. A sociedade também deve se unir, denunciando, sem precisar se identificar, no Disque Denúncia da SSP, ligando para 181. Vamos seguir com as investigações, com o objetivo de identificar e prender os outros envolvidos”, afirmou.

Guardador de carro é assassinado na Barra

Últimas Noticias