Guardiões da Infância: campanha da Polícia Civil visitou cinco shoppings de Salvador

Uma roda de conversas, música e apresentação infantil encerraram a programação da Campanha Guardiões da Infância, realizada pela Polícia Civil para combater os crimes contra crianças e adolescentes e conscientizar a população. A delegada-geral Heloísa Campos Brito destacou a importância da iniciativa.

“Quando a sociedade une-se a Polícia Civil por causas, como o combate aos crimes praticados contra o público infantojuvenil, as perspectivas de mais segurança e tranquilidade aumentam significativamente para as nossas crianças e adolescentes. Vamos seguir juntos, protegendo e servindo a população, que é o nosso maior objetivo”, comentou.

Policiais, funcionários e clientes de cinco centros de compras da capital baiana participaram da ação de incentivo à proteção às crianças. A campanha foi lançada na segunda-feira (25), no Salvador Shopping, e encerrou as atividades na tarde desta sexta-feira (29), no Shopping da Bahia.

Durante os cinco dias, equipes da Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes Contra a Criança e o Adolescente (Dercca) e da Delegacia para o Adolescente Infrator (DAI) apresentaram os trabalhos das especializadas.

“Falamos sobre o atendimento ao público infantojuvenil e detalhamos o tratamento dos casos envolvendo crianças e adolescentes”, explicou a titular da Dercca, delegada Simone Moutinho.

Folhetos com orientações sobre os direitos das crianças e adolescentes foram distribuídos aos usuários dos shoppings. O público dançou ao som do cantor Nando Borges e a criançada se divertiu com as apresentações infantis do animador Tio Paulinho, que também é o embaixador da Dercca na defesa das crianças e adolescentes. Ele foi agraciado com uma medalha de homenagem, da Polícia Civil, concedida pela delegada-geral Heloísa Campos de Brito, no penúltimo dia da campanha, no Shopping Barra.

A delegada Ana Virginia Paim, titular da DAI, destacou os direitos do público infantojuvenil e orientou os funcionários dos shoppings como proceder em casos de infrações praticadas por adolescentes. “O adolescente em conflito com a Lei também é tratado pelo Estatuto da Criança e o Adolescente (ECA). Cada adulto tem uma importante responsabilidade no direcionamento e cuidado com este público”, informou.

Crianças em situação de vulnerabilidade social, assistidas por cinco instituições de acolhimento, serão contempladas com brinquedos arrecadados pelos shoppings que participaram da Campanha Guardiões da Infância.

Últimas Noticias

Deputado solicita pavimentação asfáltica da BR-242/BA trecho entre São Felipe a São Roque do Paraguassu

O deputado estadual Bira Corôa (PT) apresentou indicação endereçada à Secretaria Estadual de Infraestrutura (Seinfra), em que solicita a...