Gripário Pau Miúdo acolhe mais de 500 pacientes no primeiro final de semana após reativação

Os pacientes de síndromes gripais ganharam mais uma alternativa para tratar os sintomas em Salvador, com a reabertura do gripário do Pau Miúdo, na última sexta-feira (17). Neste primeiro fim de semana, 579 pessoas buscaram o local para serem atendidas, uma média de quase 200 pacientes por dia.

Administrada pela FABAMED – Fundação ABM de Pesquisa e Extensão na Área da Saúde, a unidade tem a capacidade para admitir 300 pacientes por dia com resolutividade eficaz nos atendimentos. O local funciona em regime 24 horas, sete dias na semana, com 10 leitos de observação e 02 de estabilização para o trato de síndromes gripais como H1N1, H3N2, Covid-19 e outros vírus.

A instalação fica em anexo ao Centro de Saúde Maria Conceição, foi a mais procurada pela população de Salvador nos picos da pandemia da Covid-19 com mais de 35 mil atendimentos. Os gripários, com estruturas semelhantes às unidades de saúde temporárias que funcionam no Carnaval, foram montadas exclusivamente para atendimento a pacientes com síndrome gripal.

Papel importante – De acordo com o coordenador do gripário e médico, Elmar Dourado, os gripários têm um papel importante no enfrentamento a síndromes gripais.

“O público que é acolhido pelo Sistema Único de Saúde, além de ter acesso ao pronto-atendimentos e as UPAs, que sempre têm grande volume de pessoas, contam também com gripários aumentam a capacidade de atendimento das UPAs e sem falar que as unidades possibilitam a separação das pessoas com viroses, influenza e H1N1 dos casos de Covid-19”, explicou.

Últimas Noticias

Campanha solidária do Shopping Paralela arrecada 20 mil reais e uma tonelada de alimentos não-perecíveis ao Hospital Martagão Gesteira

A programação junina do Shopping Paralela terminou nesta sexta-feira (01/07). Além do período de diversão, os festejos de São...