Servidores municipais são agredidos por sindicalistas em manifestação na Sempre; Prefeitura repudia agressões

Servidores municipais de Salvador foram agredidos nesta sexta-feira (27) por sindicalistas durante manifestação na Secretaria de Promoção Social, Combate à Pobreza, Esportes e Lazer (Sempre). No protesto, servidores impediram a entrada dos funcionários no prédio da pasta e empurraram aqueles que tentavam passar pela barreira feita pelos integrantes de sindicatos.

De acordo com vídeos feitos por funcionários da Sempre, o presidente do Sindicato dos Servidores da Prefeitura de Salvador (Sindseps), Bruno Carinhanha, aparece fazendo provocações aos funcionários da Sempre. “A gente quer ver quem vai passar aqui agora”, disse.

Uma servidora tenta entrar no elevador, mas é empurrada por integrantes do sindicato. Outro funcionário da Sempre tenta ajudar a colega, mas também é agredido e retirado do prédio da secretaria, segundo as imagens.

Carinhanha também fez ameaças contra os funcionários e avisou que todas as secretarias serão fechadas. “Hoje está assim. Na próxima semana, segunda-feira, nós vamos fechar todas as portas, pode ter certeza, e não vai passar uma pessoa”, afirmou.

A Sempre é a secretaria que cuida da área social de Salvador e faz atendimentos diários que são essenciais. Na pasta, são atendidas pessoas em situação de vulnerabilidade social, além daquelas que buscam auxílio de programas de transferência de renda.

Nota de repúdio
A Prefeitura repudiou a ação dos sindicalistas aos servidores da Sempre e ressaltou a necessidade de diálogo para se avançar na pauta de reivindicações da entidade. “A Prefeitura repudia as agressões cometidas nesta sexta-feira contra servidores municipais e reforça que continua aberta ao diálogo com todas as categorias do funcionalismo público. A gestão municipal pontua que as negociações devem ser travadas com base no debate de ideias e propostas, não com agressões e ameaças. A Prefeitura ainda se solidariza com os funcionários públicos agredidos e informa que prestará assistência a eles”.

Últimas Noticias

Brasil tem 106 casos de varíola dos macacos confirmados

O Brasil tem 106 casos confirmados de varíola dos macacos (Monkeypox), segundo levantamento do Ministério da Saúde. A maioria...