Prefeitura Municipal de Savaldor

Mulher acorda sem as roupas e sendo estuprada pelo cunhado

A jovem de 21 anos estuprada pelo próprio cunhado enquanto dormia, no último domingo (21/08), diz que ainda segue sem acreditar no caso. Em entrevista à Record TV, ela afirma que não passava por sua cabeça que ele poderia fazer algo porque está na família há anos e tem três filhos com sua irmã.

“Nunca passou pela minha cabeça que ele seria capaz de me agredir dessa forma”, disse a menina.

A família mora em São Paulo, mas tinha ido a uma festa em Guarulhos. Por conta do consumo de bebidas alcoólicas, o grupo decidiu seguir no local e voltar apenas depois de uma noite de sono. Uma prima da jovem escutou os gritos da vítima. A mulher acordou sem as calças e com o cunhado a estuprando. Ela se defendeu e ele fugiu com um carro. Depois, a vítima acionou a PM, que fez a busca e conseguiu prender o suspeito em Arajá, na região metropolitana de São Paulo.

O criminosos estava escondido na casa da mãe. Ele foi detido e levado para a delegacia com a vítima e as testemunhas do caso. No local, ele afirmou que o sexo foi consensual, mas a vítima nega. “Em momento nenhum eu dei liberdade para ele fazer isso comigo”, declarou. Ela ainda afirma que a mulher do suspeito, que é irmã dela, acredita em sua versão sobre o ocorrido.

Fundação Jose Silveira
Prefeitura Municipal de Savaldor

MP requer suspensão do alvará de funcionamento de cemitério em Serrinha em razão de danos ambientais

O Ministério Público estadual ajuizou ação civil pública contra o Município de Serrinha e o cemitério Paraíso Celestial requerendo,...