Exemplo de imagem responsivaGoverno do Estado da Bahia
Informe Baiano
Exemplo de imagem responsivaGoverno do Estado da Bahia

Lauro de Freitas se torna referência no Brasil com inauguração de Núcleo Municipal de Enfrentamento ao Tráfico de Pessoas

O primeiro Núcleo Municipal de Enfrentamento ao Tráfico de Pessoas e Contrabando de Migrantes (NETP) do Brasil foi inaugurado no município de Lauro de Freitas, nesta sexta-feira (27). Parceria com o Governo da Bahia e o Ministério Público do Trabalho (MPT), o núcleo será gerido pela Secretaria Municipal de Políticas Afirmativas, Direitos Humanos e Promoção da Igualdade Racial (Sepadhir), que também teve sua nova sede inaugurada nas instalações do Shopping Passeio Norte (Estrada do Coco).

O NETP Lauro de Freitas vai desenvolver no município e na Região Metropolitana de Salvador um trabalho de prevenção, repressão e acolhimento de vítimas, como afirma a prefeita Moema Gramacho. “Estamos aqui para duas inaugurações. Primeiro do Núcleo Municipal de Enfrentamento ao Tráfico de Pessoas e Contrabando de Migrantes, que atuará de forma preventiva, com busca ativa e combate aos crimes vinculados. Seguindo da nova sede da Sepadhir, que vai funcionar na mesma estrutura do núcleo”, disse.

Núcleo Municipal de Enfrentamento ao Tráfico de Pessoas
Foto: ascom

Dentre autoridades estaduais e municipais presentes nas inaugurações, o procurador do Trabalho do MPT Bahia, Ilan Fonseca, explanou sobre processos de tráficos de pessoas que envolvem aliciamento, deslocamento e exploração. “Uma das maiores motivações para o tráfico de pessoas é o trabalho escravo, além da exploração sexual, comércio de órgãos e outros. As pessoas que cometem esse crime estão sempre com a finalidade do lucro, ganhar dinheiro às custas do ser humano. Junto a uma articulação com a Secretaria de Justiça e Direitos Humanos, orientamos o núcleo com informações mais técnicas, encaminhamentos e apoio às vítimas”, disse.

Representando a Comissão Estadual para a Erradicação do Trabalho Escravo – COETRAE/BA, a auditora-fiscal do Ministério do Trabalho e Emprego, Liane Durão, citou dados que demonstram a eficácia do serviço de enfrentamento. “A inspeção do trabalho resgatou em 2022, 82 trabalhadores de trabalho escravo e tráfico de pessoas. A Bahia aparece como primeiro estado do Brasil em número de trabalhadores resgatados. Aqui em Lauro de Freitas temos três trabalhadores resgatados, que residem no município e que poderão se beneficiar desses equipamentos inaugurados”, ressaltou.

À frente da coordenação do Núcleo Municipal, Gláucio Morais conta que o equipamento, vinculado com a Sepadhir, vai funcionar também como um banco de dados. “Vamos contribuir com informações encaminhadas às polícias Federal e Civil e os demais órgãos que lidam com o enfrentamento a essas questões. Nosso funcionamento será de segunda à sexta-feira, das 8h às 14h. A população também pode contribuir com o enfrentamento do tráfico de pessoas, trabalho escravo, contrabando de migrantes, através do disk denúncia do NETP Lauro de Freitas: (71) 9 9923-1001”.

A estrutura do NETP conta com salas de assistência social e jurídico, psicologia, reunião e coordenação, além de recepção. Já a nova sede da Sepadhir, também inaugurada no piso L2, sala 145, do Shopping Passeio Norte, vai funcionar com todos os departamentos da Secretaria (Direitos Humanos, Política para Pessoas com Deficiências e Políticas LGBTQI+), como destaca a titular da pasta Deize Marize Santana. “Costumamos dizer que os bons frutos brotam no momento certo. E hoje, unido ao Núcleo, estamos assumindo a responsabilidade de garantir ainda mais os direitos humanos”, ponderou.

Fundação Jose Silveira
Prefeitura de Juazeiro

Populações periféricas são mais vulneráveis à dengue

"O meu homem-aranha está amuado, tristinho. É tão estranho”. A auxiliar de serviços gerais Juliana Pereira, de 28 anos...