Exemplo de imagem responsivaGoverno do Estado da Bahia
Informe Baiano
Exemplo de imagem responsiva Prefeitura de Salvador

Filho de Val Bandeira é morto e teria participado de latrocínio do soldado Gleidson

Dois homens mortos no Complexo do Nordeste de Amaralina na madrugada desta terça-feira (23/05) em confronto com a Rondesp Atlântico. As ocorrências foram em localidades diferentes e no intervalo de pelo menos uma hora.

Um dos mortos teria participação no latrocínio do policial do policial Gleidson Santos de Carvalho.

Conforme a fonte do Informe Baiano, trata-se de José Alexandre Santos Souza, de 26 anos, conhecido como “Wesley”, que era filho de Val Bandeira, apontado como chefão da facção Comando Vermelho na Bahia. Ele teria atirado nas viaturas da PM e houve confronto. Ferido, acabou socorrido ao Hospital Geral do Estado (HGE), onde foi confirmado o óbito.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP), o criminoso, juntamente com outros comparsas, entrou em confronto com os PMs. Com o traficante foram apreendidos uma pistola calibre 380, carregador e munições. O policiamento foi reforçado na região e equipes da Rondesp Atlântico seguem patrulhando o Nordeste de Amaralina.

O Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), onde foi registrado o confronto, investiga o caso.

https://informebaiano.com.br/310684/policia/no-nordeste-de-amaralina-terceiro-envolvido-em-latrocinio-do-soldado-gleidson-e-morto

Criminoso que teria atirado no soldado Gleidson é morto em Conceição de Jacuípe

Fundação Jose Silveira
Prefeitura Porto Seguro

Censo busca traçar perfil de pessoas com transtorno do espectro autista em Salvador

Das 4.249 pessoas contabilizadas pelo Censo da Pessoa com Autismo no município de Salvador, 70% são meninos, a maioria...