Exemplo de imagem responsivaGoverno do Estado da Bahia
Informe Baiano
Exemplo de imagem responsiva Prefeitura de Salvador

Nando Reis agita festival na Praia do Forte com clássicos da carreira: “lugar perfeito”

O festival Conexão com o Paraíso começou nesta quinta-feira (12/10), feriado de Nossa Senhora da Aparecida. O evento, que segue até o sábado (14), no Castelo Garcia D’Ávila, em Praia do Forte, contou no primeiro dia com as apresentações da cantora e trombonista argentina Pali, do grupo baiano Filhos de Jorge e do cantor Nando Reis, que apresentou a turnê “Nando Hits”, que celebra a história de 40 anos de carreira do artista.

O público cantou em coro canções autorais de Nando e assinadas com parceiros e parceiras ao longo da vida. O show começou um pouco antes da meia noite com a música “Marvin”, seguida por “O Segundo Sol”. O repertório contou ainda com clássicos “Dois Rios”, “Onde Você Mora”, “Na Estrada”, “Pra Dizer Adeus”, “Luz dos Olhos”, “Relicário” e “All Star”.

“Bahia querida, é um prazer imenso estar aqui na Praia do Forte, neste festival Conexão com o Paraíso. O nome é perfeito, o lugar é perfeito. Subir no palco é a parte mais gratificante da nossa profissão. Reunimos pessoas na mesma alegria e sintonia. Espero que vocês se divirtam. Eu, com certeza, irei me divertir”, declarou o artista na primeira conversa com o público.

Um dos pontos altos do show foi a participação de Sebastião Reis, filho de Nando. Juntos, eles dividiram as canções “N” e “Resposta”. Sebastião integra a banda COLOMY, que também é composta por Pedro Lipa e Eduardo Schuler. O grupo se formou em 2019, com influências da música brasileira, do rock progressivo e de toda criação estética dos anos 70. Recentemente, eles lançaram seu primeiro álbum ”Jaú”.

Nesta sexta-feira (13), o Conexão com o Paraíso recebe os shows de Márcia Freire, Jau e Luiz Caldas. Encerrando o festival, Thati, Os Autorais (que reúne Jorge Zárath, Tonho Matéria e Tenison Delrey cantando e contando histórias de clássicos da música baiana) e Paralamas do Sucesso comandam as apresentações no sábado (14).

Prefeitura Luis Eduardo Magalhães
Prefeitura Porto Seguro

Populações periféricas são mais vulneráveis à dengue

"O meu homem-aranha está amuado, tristinho. É tão estranho”. A auxiliar de serviços gerais Juliana Pereira, de 28 anos...