Bom Jesus da Lapa: Capital da fé sofre com a gripe H1N1, enquanto o prefeito contrata Luan Santana

Enquanto a população de Bom Jesus da Lapa, cidade famosa por causa dos seus pontos turísticos e conhecida como a “capital da fé”, clama por medidas mais efetivas no combate a gripe H1N1, que já atingiu várias pessoas, entre elas, duas médicas cubanas, o prefeito Eures Ribeiro (PV) contratou o cantor Luan Santana para agitar a festa de São Pedro na cidade. Uma das vitimas, foi Clara Elisa Gonzales Mendes, de 42 anos, que trabalhava em um posto de saúde e morreu no dia 19 desse mês. Uma colega dela está internada em um hospital de Brasília com a mesma suspeita.
Outro caso foi confirmado. Trata-se de uma adolescente, que não teve o nome revelado e foi transferida nesta terça (26) para Barreiras. Existem ainda várias suspeitas de pessoas com dengue, zika e a gripe H1N1, mas o teste que confirma o tipo de vírus não está sendo disponibilizado pelo poder público. Na rede privada, custa 400 reais.

Uma campanha contrária ao prefeito foi iniciada nesta quarta (27) e já ganhou força nos grupos de WhatsApp e Facebook da região. “Troco o show de Luan Santana pela vacinação contra o H1N1 para toda população Lapense. Repasse até chegar ao conhecimento do Prefeito!”. Em contato com o Informe Baiano, um morador disse que a vacina está em falta desde a última segunda (25). Em julho, vai ser iniciada a Romaria, evento tradicional que atrai milhares de fiéis para a cidade e considerado a terceira maior peregrinação católica do país.

Bom Jesus2

Últimas Noticias

Salvador reforça assistência social com novo Cras em Castelo Branco

Os cidadãos em situação de vulnerabilidade social em Salvador ganharam uma nova estrutura de apoio, instalada pela Prefeitura. O...