Ciro diz que “não é mais possível andar com o PT na política”

Em entrevista à Rádio Guaíba, em Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, o presidenciável Ciro Gomes (PDT) disse que, para ele, “não é mais possível andar com o PT na política”.

O candidato também afirmou que está descartado ser ministro. Ele anunciou que essa é sua “última eleição.”

“O PT contou comigo ao longo dos últimos 16 anos. Na medida em que eles se juntam com o Renan Calheiros, que presidiu o Senado no impeachment que eles chamam de golpe, que estão juntos no Ceará com o Eunício Oliveira, não é mais possível, para mim, andar com eles na política”, disse o pedetista.

Fábrica de asfalto deve implantar unidade industrial em Feira de Santana

A Companhia Brasileira de Asfalto da Amazônia (CBAA) firmou protocolo de intenções com o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE), na segunda-feira...

Carga de carne roubada em Correntina é recuperada e quatro são presos

Investigadores da Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos de Cargas em Rodovias (Decarga/Feira de Santana) prenderam quatro homens com uma carga de 22 toneladas de charque...