Ministro do STF censura matéria sobre Dias Toffoli

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou que a revista Crusoé e que o site O Antagonista removam “imediatamente” do ar uma matéria que trata do presidente da Corte, ministro Dias Toffoli sob pena de multa de R$ 100 mil por dia. Além disso, os responsáveis pelo site deverão depor na PF. Com o título de amigo do “Amigo do amigo de meu pai”, o texto aponta que o presidente da Corte aparece na planilha da Odebrecht.

Determino que o site O Antagonista e a revista Crusoé retirem, imediatamente, dos respectivos ambientes virtuais a matéria intitulada ‘O amigo do amigo de meu pai’ e todas as postagens subsequentes que tratem sobre o assunto, sob pena de multa diária de R$ 100 mil, cujo prazo será contado a partir da intimação dos responsáveis. A Polícia Federal deverá intimar os responsáveis pelo site O Antagonista e pela Revista Crusoé para que prestem depoimentos no prazo de 72 horas”, escreveu em sua decisão.