Vexame em Candeias: presidente da Câmara com voz embolada e fala arrastada em sessão comemorativa; assista

Uma cena para lá de inusitada e até mesmo vergonhosa aconteceu na cidade de Candeias em um dia que deveria ser festivo pela passagem do aniversário de 63 anos de emancipação da cidade, que ocorreu no último sábado (14/08). A sessão especial na Câmara de Vereadores contou com a participação dos deputados estaduais Niltinho (PP), João Isidório (Avante), Bira Corôa (PT), e dos deputados federais Cacá Leão (PP) e Alex Santana (PDT), o prefeito Dr. Pitagoras, além de autoridades municipais.

O gestor da cidade leu a mensagem do Executivo para os vereadores e apresentou o Programa Desenvolvimento Candeias, um pacote de benefícios fiscais para atração de emprego e renda; o programa de auxílio fardamento para guardas municipais; e também uma iniciativa que institui o fornecimento de absorventes a adolescentes mulheres em vulnerabilidade social.

Durante a sessão, o presidente da Câmara, Silvio Correia, quebrou o protocolo e discursou após a fala do prefeito. O político aparece com a voz embolada e não consegue nem mesmo chamar um vídeo “institucional”. Por diversas vezes, ele tenta concluir a frase sem sucesso, até que um funcionário da Câmara manda ele chamar o primeiro secretário.

Ao discursar, o mesmo começou a gritar no púpito “um miserável igual a mim” e foi interrompido pela vereadora Amiga Ju (DEM), que falou: “Está bom! Deseje Viva Candeias”. As cenas de constrangimento fizeram o líder do governo, o vereador Gil Soares (PP) e o Pastor Adailton Sales (Republicanos) puxar as palmas para tentar encerrar o discurso.

A vereadora Amiga Ju repreendeu o presidente. “Está feio! Encerre isso! Tem muita gente de fora aqui“. O vereador Diego Maia (PP), que presidia a sessão no momento, pediu que o presidente encerrasse o discurso. Como estava aparentemente descontrolado, outros vereadores se juntaram para retirar o presidente do púlpito e evitar um vexame ainda maior. A própria transmissão da Câmara corta o momento em que o presidente volta a falar.

Um vereador presente na sessão relatou que a suspeita é que o presidente estaria alterado por efeito de álcool. “Ele estava na mesa da presidência com uma garrafa térmica supostamente com whisky. Ele não esconde de ninguém o seu gosto por álcool. Mas no exercício do mandato, na mesa da presidência e em uma sessão especial é inadmissível”, desabafou. O Informe Baiano tentou conversar com o presidente da Casa Legislativa, mas não obteve êxito.

Histórico de Vexames

O Informe Baiano denunciou que um pai e o filho eram responsáveis pela compra e recebimento de materiais na Câmara de Vereadores (veja aqui), que foi exonerado após a denúncia (veja aqui). Em abril, o presidente da Casa quase saiu na mão com o vereador Ivam do Prateado por falta de repasse. Em reportagem publicada no site Bahia Noticia, em 11 de Junho de 2019 e Madre Sem Média, o então vereador desferiu um soco na cara do então procurador Marcelo Ferraz que prestou queixa contra o edil, fato registrado na 20ª Delegacia. Silvio teria, segundo o site Aratu On, atirado contra o funcionário de uma barreira sanitária na cidade vizinha de Madre de Deus também em 2020.

Candeias: Dr. Pitágoras fala dos avanços do município nos 63 anos de emancipação

Últimas Noticias

Em Feira de Santana, Rui visita espaço onde será implantada nova escola estadual com um investimento de mais de R$ 25 milhões

O governador Rui Costa visitou, na manhã deste sábado (25), o prédio onde funcionava a Fundação de Apoio ao...