Policial é morto em Boca da Mata

Um policial militar identificado como Fabio Oliveira, também conhecido como Fabinho, foi morto na noite deste domingo (28/11), no bairro de Boca da Mata, em Salvador. O soldado, lotado no Tático Ostensivo Rodoviário (TOR), estava em frente a um bar quando acabou baleado.

Dois bandidos participaram da investida criminosa e um deles foi morto pelo trabalhador, que ainda foi socorrido por uma guarnição da 3a Companhia Independente da Polícia Militar para o Hospital Municipal, mas não resistiu aos ferimentos.

O segundo envolvido no crime conseguiu escapar e está sendo procurado. Fabinho reagiu a uma tentativa de assalto.

Nota da Polícia Civil

A Delegacia de Homicídios Múltiplos investiga a morte do policial militar, Fábio Oliveira Araújo, ocorrida na noite de domingo (28), na Rua Vereador Zezeu Ribeira, no bairro Boca da Mata. Conforme informações preliminares, ele foi atingido por disparos de arma de fogo após a tentativa de um assalto e levado por populares para o Hospital Municipal de Salvador (HMS) não resistindo aos ferimentos. Guias de perícia e remoção foram expedidas. Testemunhas já foram convocadas para ajudar a esclarecer a autoria e motivação do crime.

Nota da PM

Policiais militares da 3ª CIPM foram acionados na noite de domingo (28) em razão de um pm vitimado por disparo de arma de fogo na Rua Armando Sá, Cajazeiras. Segundo informações preliminares, o policial foi atingido durante uma tentativa de assalto e sua arma teria sido levada pelos criminosos. O militar havia sido socorrido por populares para o Hospital Municipal de Salvador (HMS), onde não resistiu aos ferimentos.

De posse de informações referentes ao ocorrido, a guarnição realizou buscas pela região, vindo a localizar um suspeito do crime, que passou a efetuar disparos contra os policiais. Houve revide e, ao término da troca de tiros, ele foi encontrado ferido. O suspeito foi socorrido pelos pms para o HMS, mas não resistiu aos ferimentos. Com ele, foi encontrada a arma do militar morto , além de um revólver calibre 38. O caso foi registrado na Corregedoria da Polícia Militar.

Últimas Noticias