Torquato Jardim pede mais atenção às vítimas de violência doméstica

O ex-ministro da Justiça Torquato Jardim ressaltou hoje (2) que é necessário ampliar a assistência e atenção às vítimas de violência doméstica. A afirmação ocorreu durante a cerimônia de transmissão de cargo para seu sucessor, Sergio Moro, no Ministério da Justiça. “De 12 mil [que precisam ser assistidas], apenas 445 são atendidas”, afirmou.

Torquato Jardim fez um breve balanço das atividades do Ministério da Justiça e das ações para o combate à corrupção e proteção jurídica no país.

Na cerimônia de transmissão de cargo estavam o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli, e o presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Claudio Lamachia, além do ex-ministro Raul Jungmann (Segurança Pública) e autoridades de distintos setores.

Ao assumir hoje (2) o Ministério da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro comandará uma estrutura ampliada da área incluindo mecanismos de combate à corrupção e violência.

Fábrica de asfalto deve implantar unidade industrial em Feira de Santana

A Companhia Brasileira de Asfalto da Amazônia (CBAA) firmou protocolo de intenções com o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE), na segunda-feira...

Carga de carne roubada em Correntina é recuperada e quatro são presos

Investigadores da Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos de Cargas em Rodovias (Decarga/Feira de Santana) prenderam quatro homens com uma carga de 22 toneladas de charque...